terça-feira, 4 de março de 2008

Decapado

Onde está aquele brilho no rosto,

quando olhava teus olhos?

Se perdeu no meio de tanta coisa ruim

que o mundo lhe fez?

o mundo em forma de mim mesmo,

Céu cinza Flores,

vento gélido parvos,

sorrisos amarelos nos meus lábios,

Feliz por vê-la feliz...

Morrendo de ódio...

Por não ser por mim. Orgulho.

Correr entre esta existência de semi-vida.

E essa vontade de toda vida.

Te amo mais que tudo...

e me odeio por isso!

Vai! E leva tudo de mim!

E não volte! Mas se voltar...

traga-me o teu mundo no seu umbigo.

Zanellizen

1 Comment:

A Dama Luz said...

Gostei muito

Ficou uma coisa linda mesmo

MUito lindo

Simples e emotivo